Acidentes e doenças podem acometer qualquer viajante, independente da experiência. E se o problema for grave, o custo do tratamento no exterior (a depender do país de destino) pode ser bem caro! Nem todos os países (na verdade, a maioria deles) atende gratuitamente estrangeiros na rede de saúde. Será necessário pagar por consultas médicas, remédio e, em casos mais graves, transporte de ambulância e internação. Não vale correr o risco e falir pela economia de não fazer um seguro de viagem antes de embarcar. O seguro vale também para outros tipos de serviços, como extravio de bagagem, remarcação de passagem, assistência jurídica e até repatriação do corpo em caso de morte.
O tratado é um acordo assinado entre os países da União Europeia que estabelece a obrigatoriedade de que os turistas nesses países possuem uma assistência a viagens com valor de, no mínimo, € 30.000. O valor é estipulado para garantir assistência médica por doenças ou acidentes. Os países contemplados no tratado são: Bélgica, Dinamarca, Alemanha, Finlândia, França, Grécia, Islândia, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Áustria, Portugal, Espanha e Suécia).

Pagamento ou reembolso das diárias de hotel, caso as equipes médicas do local e a indicada pela seguradora determinem a necessidade de prolongar a estada devido a um acidente pessoal ou doença súbita. Fianças e despesas legais¹ Reembolso das despesas ocorridas, como custos de fiança, caso exista ordem de prisão ou detenção indevida, por parte de qualquer governo ou poder estrangeiro.
As escolhas do website revelam as companhias que estão mais avançadas em segurança, inovação e novos aviões. Das 409 empresas que monitorizam, estas são as 20 que melhor têm trabalhado nesta área. O editor-chefe da AirlineRatings.com, Geoffrey Thomas, acrescenta o exemplo da australiana Qantas que, entre 2014 e 2017, foi nomeada a companhia aérea mais segura do mundo, sem qualquer morte registada. Geoffrey Thomas garante que a “Qantas não é a única”, falando de empresas há muito tempo no mercado, como a Finnair e a Hawaiian, como exemplos de companhias com excelentes indicadores. O ano passado foi um dos anos mais seguros na história da aviação.

Achei a melhor oferta para o tipo de seguro que eu procurava. Já no momento que estava preenchendo o cadastro no site para fechar o seguro, a corretora Débora me ligou prontamente para tirar algumas dúvidas e se colocar a disposição para algo mais que eu precisasse, inclusive sobre cobertura adicional. Fiz a compra com cartão de crédito devido a agilidade na entrega do voucher de seguro, pagamento foi aprovado na tela, e no mesmo instante os vouchers chegaram em meu email. Estou muito satisfeito com a agilidade e espero não ter que usá-lo.


5 - Em caso de extravio, roubo, furto, dano ou destruição da bagagem, você possui direito à indenização, que será calculada exclusivamente pelo peso registrado (não importando qualquer alegação sobre o valor do seu conteúdo).                                                                             *O valor pago segue o limite do capital segurado, desde que comprovado que a bagagem estava sob responsabilidade da companhia transportadora (através de Relatório de Irregularidade de Bagagem ou registro em órgão policial competente). Serão deduzidos os valores pagos pela companhia transportadora.

A Alaska Airlines é uma companhia aérea norte-americana baseada em Seattle Tacoma, arredores de Seattle, Washington. Em 2005 transportou mais de 12 milhões de passageiros. Serve mais de 59 destinos nos Estados Unidos, no México e no Canadá. Serve também os estados americanos do Alasca e Havaí. Em setembro de 2015, a Alaska Airlines anunciou um novo logotipo que será implantado nas aeronaves.
×